Google+ Seguidores

sexta-feira, outubro 30

Heart Attack Grill

Como havia prometido, seguem mais informações sobre o restaurante ataque do coração.
No momento em que as principais redes de fast food buscam frenéticamente por uma alimentação mais saudável e menos calórica, o Heart Attack Grill fugiu completamente dessas tendências e vem obtendo excelente resultado. A casa tem como tema ser um restaurante-hospital. Seu slogan é “vale a pena morrer pelo sabor”. Suas garçonetes, sensualmente vestidas de enfermeiras causam um grande frisson ao público que, em sua maioria, é composto de homens. Qual a razão de ser um hospital? Simplesmente pelo elevadíssimo nível calórico de seus lanches. Um deles possui mais de 8.000 calorias, suficientes para suprir 4 dias das necessidades de um adulto. O pão é mergulhado em banha de porco e depois é posto para secar no forno. Tudo para deixá-lo mais gostoso. Os clientes são chamados de pacientes e podem contar com uma cadeira de rodas e toda a assistência das enfermeiras. Batatas fritas em banha estão a sua disposição no self-service. No cardápio não existe refrigerante Diet ou Light. Cigarros são permitidos, desde que sejam sem filtros. Com este posicionamento, o restaurante tem obtido muita mídia espontânea, principalmente quando grupos de pressão fazem protestos contra a má alimentação. É uma das principais atrações do Arizona-EUA. O que podemos aprender neste caso é que o marketing favorece a originalidade. O proprietário percebeu um segmento não preocupado com a tal saudabilidade e que sabe que gordura faz mal, mas também é sinônimo de sabor. Chega de ser mais um.

O que é benchmarking ?

É comum entre profissionais de marketing que comparam produtos, serviços e práticas empresarias entre os principais concorrentes ou empresas líderes. É um processo de pesquisa contínuo que permite a comparação de processos entre empresas para, posteriormente, se basear nos melhores e adaptá-los para a própria realidade corporativa. Dessa forma, alcançam um nível de superioridade ou vantagem competitiva. Já que ninguém é melhor em tudo, a idéia principal do benchmarking é copiar modelos de outras empresas e economizar tempo e trabalho. Ressalte-se que as cópias sempre sofrerão ajustes, adaptação e aprimoramentos, o que garante uma evolução da idéia inicial. Resumindo, trata-se de uma estratégia de melhoria de empresas que desejam aprender com outras.
Fonte: RH.com.br

quinta-feira, outubro 29

#Zina no Twitter

Depois que Zina foi detido por posse de drogas, o assunto tornou-se o mais comentado no Twitter. De acordo com um site de estatísticas do Twitter brasileiro, as hashtag #freezina e #zina já aparecem entre as primeiras no Brasil. Zina ficou famoso no Pânico na TV, com a cérebre frase "Ronaldo, brilha muito no Corinthians", exageradamente repetida pelo programa. Ele foi preso na última 4ª feira e liberado em seguida por que a quantidade de droga em seu poder não justifica a detenção. São as leis brasileiras. Fonte: UOL Tecnologia.

O marketeiro de Obama

Bem Self, responsável pela campanha digital de Barack Obama à presidência dos Estados Unidos, conseguiu se comunicar pela internet com 68 milhões de eleitores e angariar doações de 500 milhões de dólares, além de uma audiência de 1 bilhão de minutos nos vídeos postados no Youtube. Cogita-se que ele trabalhará na campanha de Dilma Rousseff à presidência da República. O estranho de tudo isso é que, quando especialistas em internet se referem ao e-mail como uma ferramenta antiquada, Self aposta na sua força mais do que em redes sociais. E agora senhores? Como explicar artigos intitulados "A morte do e-mail", baseados na esquisa do Pew Internet & American Life Project, dos Estados Unidos, que aponta que o e-mail vem perdendo espaço para os mensageiros instantâneos e o SMS como forma de se conectar com os amigos? Tomara que Self utilize o e-mail e perceba bem tarde que sua estratégia estava errada. Só assim o Brasil poderá ficar livre de Dilma no poder. Que assim seja!

quinta-feira, outubro 22

Fórum Vocacional

Vai terminar na noite desta quinta feira o 12º Fórum Vocacional do Rotary Clube Lins Norte, numa parceria com a Unilins e a Diretoria de Ensino de Lins. Devem passar pela campus da Unilins cerca de 1800 alunos de 10 cidades da região. Tem sido um imenso prazer receber esses alunos e falar um pouco sobre o perfil do novo profissional que o mercado está buscando. Tomara que eles percebam isso e busquem escolas comprometidas com uma educação de excelência. É uma pena que apenas a Unilins tenha participado do evento.

quarta-feira, outubro 21

Foram com muita sede ao pote

Um estudo que vem sendo desenvolvido nas últimas três décadas por pesquisadores da Universidade da Pensilvânia (EUA), constata uma acentuada queda da satisfação das mulheres. Mesmo tendo conquistado sua independência, respeito e espaço também no mundo corporativo, o que, em tese, poderia torná-las mais felizes, são elas as próprias culpadas por tanta tristeza. Elas se cobram por maior cuidado e intimidade com os filhos, maior responsabilidade na administração da casa, maior qualidade em sua performance no trabalho, busca de relacionamento mais equilibrado com seu companheiro, uma melhor e mais equilibrada relação no sexo, além da permanente busca pela beleza. Estão sentindo agora que talvez não valesse tanto a pena lutar pela independência total. Foram com sede demais ao pote.
Fonte: Revista EPOCA, por Martha Mendonça.

terça-feira, outubro 20

Oba, domingão sem Faustão e Gugu

E viva a Internet. depois dos jornais, da indústria fonográfica e do cinema, a TV será a próxima vítima da internet e verá seu modelo de negócios totalmente modificado. Segundo um estudo divulgado em Paris, pela consultoria Idate, em três anos, 40% dos lares de países europeus poderão conectar a TV diretamente à internet, reduzindo a dependência do telespectador da programação das TVs aberta e fechada. Empresas de alta tecnologia, como a Amazon ou a Apple, poderão fornecer programação ao consumidor, sem depender das emissoras de TV clássicas, cuja programação é presa a horários fixados pelo canal. Fico animado só de imaginar que a população poderá se livrar das babaquices de Faustão, Gugu, entre outros, e optar por uma programação que favoreça a cultura.
Fonte: Estadão - correspondente Andrei Netto - Paris.

segunda-feira, outubro 19

Juro que tentei

"Todo campeão tem que ter um pouco de sorte". Essa foi a frase mais repetida durante os treinos da Fórmula 1, em Interlagos-SP, nesse final de semana. Se a levarmos em conta, definitivamente, o nosso esforçado Rubinho Barrichello não tem estigma de vencedor. Depois do fracasso da seleção sub 20 na sexta feira, o domingo tinha tudo pra ser inesquecível. A meteorologia anunciava 80% de possibilidade de chuva, o que favoreceria a performance de Barrichello. Porém, até os deuses conspiraram contra. Nada de chuva, carro não competitivo, pneu furado, entre tantos outros fatos, acabaram de vez com a chance do brasileiro e favoreceram seu companheiro de equipe. Tudo bem, a gente espera 2010.

sexta-feira, outubro 16

Prefiro sabor à saúde

Você faria parte de uma clientela que não dá a mínima para uma alimentação saudável ? Que come 8 mil calorias em apenas um lanche. Que frequenta rotineiramente um restaurante caracterizado como um hospital, onde as garçonetes se vestem sedutoramente como enfermeiras. Onde as mesas mais se parecem com macas e os clientes são chamados de pacientes e se sentam em cadeiras de rodas. Onde a banha de porco faz parte de todos os pratos, inclusive das deliciosas batatas fritas. Um restaurante que não cobra a alimentação de quem pesa acima de 160 quilos. Não é piada. Esse é um verdadeiro exemplo de oportunidade aproveitada, de segmentação de mercado. Em breve publicarei mais informações.

terça-feira, outubro 13

Previsões concretizadas

Conforme previsão de quem atua na área educacional, bastou apenas um ano de vigência da Lei do Estágio, do Ministério do Trabalho, para que se percebesse que mais uma vez o governo trocou os pés pelas mãos. A idéia inicial que era a de garantir os "direitos" dos estagiários, como se esperava produziu resultados opostos. Desde que entrou em vigor, o número de vagas para estagiários caiu 20%, segundo a Associação Brasileira de Estágios. A ganância do governo fez aumentar os encargos sociais para quem contrata estagiários. Isso provocou uma certa resistência das empresas para se adaptar às novas regras. Enquanto países desenvolvidos flexibilizaram a legislação para desonerar as contratações, o Brasil caminhou em direção oposta. Manda quem pode, obedece quem tem juízo.

sexta-feira, outubro 9

Complicação proposital

Depois de muitos questionamentos sobre o verdadeiro objetivo do Enade, no que se refere a ser claramente direcionado para favorecer as escolas públicas, mais uma vez o governo mostrou sua incapacidade. Após o vazamento da prova e das diversas desculpas esfarrapadas, agora Lula e sua corja estão se fazendo de bonzinhos. Porém, nem tanto. Como se não fosse obrigação, seu ministro da educação vem a público bradar sobre a devolução da taxa de inscrição para aqueles que não vão mais prestar o exame. Simples, não? Claro que não! Se você quer seu dinheiro de volta, faça o pedido da forma mais complicada que se possa existir: pelo correio, com uma carta ao Inep. Porque será que um país que se vangloria por ter o melhor sistema eleitoral informatizado do mundo, não utiliza a internet para registrar os pedidos de devolução???? É, no mínimo, estranho.

quarta-feira, outubro 7

Cuidado com o que publica nas redes sociais

Você sabia que 45% das empresas buscam informações das redes sociais para selecionar candidatos? Essa é a conclusão de pesquisa recente feita com 2600 executivos de RH, pela empresa americana CareerBuilder. O Facebook é a rede social mais procurada pelos recrutadores, com 29% das buscas. O LinkedIn vem em seguida, com 26%, e o MySpace com 21%. Além disso, 11% das empresas buscam informações nos blogs e 7% analisam os candidatos no Twitter. Portanto, muito cuidado para não se queimar online. Veja algumas das bestiras cometidas pelos candidatos:
- Publicar informações ou foto impróprias (53%);
- Colocar fotos em que aparece bebendo ou bêbado (44%);
- Publicar depoimentos falando mal de ex-empregadores, colegas ou clientes (35%).
Cuidado, você está sendo vigiado.
Fonte: Portal Exame

Dos 15 aos 40 ?

A revista Você S/A desenvolveu recentemente uma pesquisa para identificar as melhores empresas para se trabalhar. A Caterpillar foi a 1ª colocada e, por isso, o seu presidente Luiz Carlos Calil falou na entrega do prêmio que entrou na empresa com 15 anos de idade, como office boy e, hoje, após 40 anos, é o principal executivo da empresa. Ficar tanto tempo assim numa única empresa não é tão comum. É cada vez mais raro. Imagine se esses jovens da geração Y, que saem da faculdade para o emprego, aceitariam começar a carreira em postos tão simples. Essa geração Y quer rapidez. Segundo o executivo Antonio Maciel Neto, presidente da Suzano Papel e Celulose, esses jovens devem ter paciência para completar ciclos na empresa em que trabalham e não pular de um emprego para outro antes de concluir um projeto. Aí eu me pergunto: Será que no futuro existirão casos como o de Calil ?

Delegar é ótimo !

Literalmente, delegar é transmitir tarefas e obrigações para outra pessoa. Normalmente, ocorre de um superior para um colaborador. Quem recebe tem autoridade para concluir o trabalho e quem delega fica responsável pelo seu êxito ou fracasso. Porém, essa ação tem um reflexo muito acima do que se pensa. Ao delegar, você incentiva o desenvolvimento e as habilidades de seus colaboradores, que se sentem capacitados a resolver problemas na sua ausência. Além de testarem ideias e soluções criativas, eles adquirem maior autoconfiança e desenvolvem habilidades gerenciais. Líderes devem saber delegar. Para a empresa e para os colaboradores, essa é a melhor maneira de criar novos líderes e renovar a cadeia.

segunda-feira, outubro 5

Insaciável ao extremo

O governo continua insaciável quando o assunto é cobrar tributos. Estabelecimentos comerciais que executarem músicas como forma de atrair clientes deverão arcar com os custos dos direitos autorais. É aí que reside o erro. Trata-se de mais uma daquelas cobranças duplicadas, já que, ao se captar música diretamente de uma rádio, se trata de retransmissão e os direitos autorais já foram pagos pela emissora. Cuidado, em breve vão parar seu carro numa blitz pra saber o que você está ouvindo. Se for um CD, pode colocar a mão no bolso para encher os cofres do governo.

Seja rápido ou perca mercado

Nâo é a toa que o Facebook vem registrando um crescimento assustador. De acordo com previsões, em 2 anos será maior que o Orkut. Esse resultado se deve a rapidez com que o Facebook se adapta aos internautas. Enquanto o Twitter anuncia a versão em Português para 2010, os brasileiros já navegam no Facebook há meses, teclando em sua própria língua. Mudando um pouco de assunto, segundo levantamento feito pelo site InformationIsBeautiful.net, por meio da ferramenta Google Ad Planner, as mulheres são maioria nas redes sociais. De 17 sites analisados, 12 têm como maioria o público feminino. Facebook e Twitter têm, cada um, 57% de mulheres. O Flickr, 55%, o MySpace 64%, enquanto no Hi5 é 54%. As redes sociais com igualdade entre homens e mulheres são LinkedIn, YouTube, DeviantART e del.icio.us. Pelo levantamento, apenas o Digg tem maioria masculina, com 64% dos usuários homens.

Somos profissionais de Marketing Digital?

Definitivamente, o marketing digital não é mais experimental. Hoje, ele recebe mais atenção e verba que a publicidade tradicional. E tem se mostrado mais eficiente. Muitos profissionais de Marketing acreditam em efetividade das redes sociais ou Mobile Marketing, com previsão de crescimento nos investimentos. Para se ter uma idéia, deve fechar o ano de 2009 com 12% de participação no total gasto em publicidade nos Estados Unidos. E há projeção de crescimento em torno de 21% em cinco anos, enquanto nos outros meios devem crescer menos. Significa, na prática, que todos seremos profissionais de marketing digital, já que ele está ganhando maior relevância em várias campanhas.
Fonte: PropMark (www.propmark.com.br)