Google+ Seguidores

segunda-feira, outubro 3

Conar deve estar sem serviço

A falta de serviço do CONAR - Conselho Nacional de Autorregulamentação Publicitária fez com que o órgão buscasse o que fazer e abrisse um processo para investigar a campanha publicitária "Hope Ensina", protagonizada pela modelo Gisele Bündchen.
No filme lançado pela marca de lingeries no dia 20 de setembro, Gisele aparece usando roupas íntimas para sugerir às mulheres brasileiras que usem a sensualidade na hora de dar uma notícia desagradável ao marido.
Alguns invejosos, desocupados e desocupadas, decidiram reclamar ao CONAR. Ate então, 20 protestos enviados por e-mail por consumidores, tanto homens quanto mulheres, reclamaram do suposto teor discriminatório mostrado pela propaganda.
Apenas 20 protestos bastaram para o órgão se mobilizar. É um espanto!
Fonte: exame.com.
Veja o vídeo e dê sua opinião.

Nenhum comentário:

Postar um comentário