Google+ Seguidores

terça-feira, abril 20

Crua ou passada?

Após 11 anos de pesquisas, cientistas da universidade do Texas concluíram que carne bem passada pode dobrar o risco de câncer de bexiga. Eles chegaram a conclusão que expor a carne demais ao fogo produz uma substância química que aumenta duas vezes e meia a probabilidade de contrair câncer na bexiga. Isso vale para carne vermelha e de porco assada, frita ou grelhada. O risco aumenta também para quem come frango ou peixe fritos. É claro que existem ainda fatores genéticos, mas o estudo mostra a relação entre o que você come e os riscos de contrair câncer. Ainda bem que posso continuar comendo a minha carne mal passada.

Nenhum comentário:

Postar um comentário